Sábado, 16 de outubro de 2021

Servidores de São Sebastião aprovam ato público e paralisação para 18 de agosto

  • Servidores de São Sebastião aprovam ato público e paralisação para 18 de agosto

    Em assembleia realizada pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de São Sebastião (Sindserv), nesta sexta-feira (13/8), os trabalhadores da prefeitura aprovaram a adesão ao chamado nacional de luta contra a Reforma Administrativa do Governo Federal. Com atos públicos previstos por todo o Brasil no próximo dia 18, no município o movimento se iniciará às 9h, em frente a Caixa Econômica Federal.

    Acompanhando servidores das três esferas – municipal, estadual e federal – de várias partes do país, os funcionários públicos da prefeitura de São Sebastião aprovaram também a paralisação no dia 18 de agosto contra a Proposta de Emenda Constitucional - PEC 32/2021.

    “Esta Reforma vai atingir toda a população, pois vai destruir o serviço público, vai abrir espaço para indicações políticas, aumentar o risco de corrupção e privatizações, entre outros cortes de direitos. É um ataque a todo o povo brasileiro que não pode ficar calado e precisa se unir e se manifestar contra”, afirma a presidente do Sindserv, Cristiane Leonello.

    A diretoria do Sindserv reforça que é de extrema importância a participação dos servidores, pois entre as bandeiras aprovadas na assembleia está a manifestação - durante o ato - em relação ao arrocho salarial pela falta de reposições inflacionárias, a defasagem dos vales alimentação e refeição que estão estagnados desde 2017, e melhores condições de trabalho.

    “Em São Sebastião a luta pelo serviço público é também para combater a falta de valorização e respeito da administração municipal que ignora os direitos da categoria. Ao mesmo tempo temos que impedir que essa reforma acabe com o funcionalismo público e continuar lutando para garantir a manutenção dos nossos salários e o sustento das nossas famílias. O que não podemos é ficar inertes enquanto os governos passam como um rolo compressor em cima das nossas vidas”, completa Cristiane Leonello.

    Para mais informações: www.sindserv.com ou (12) 3892.1545.